sábado, 16 de junho de 2012

Com escala em São Paulo, a Turkish Airlines inicia Buenos Aires em novembro e espera crescer 80%



Com a inauguração, em novembro da rota entre Europa e Buenos Aires, passando por São Paulo, a Turkish Airlines espera, até 2013, aumentar em 80% o volume de passageiros transportados nos voos do Brasil para a Turquia. A estimativa foi feita hoje por Atagun Kutluyurksel, diretor da Turkish para o Brasil, durante visita a sede do MERCADO & EVENTOS, no Rio de Janeiro. Um dos fatores que deve contribuir para isso é a maior divulgação dos destinos Istambul e Capadócia que estarão sendo mostrados durante a próxma novela das 9h, da TV Globo, Salve Jorge, de Glória Perez e também o interesse crescente dos brasileiros por Buenos Aires. A ideia inicial era iniciar a rota de Buenos Aires em junho mas problemas burocráticos e de slots levaram a companhia a confirmar para o final do ano o novo voo.

“O pessoal da Globo esteve durante nove meses na Turquia realizando filmagens e será sem sombra de dúvidas uma grande promoção pois muitas gente nem sabe que a Capadócia, terra de São Jorge, fica na Turquia”, destacou ele. O dirigente também afirmou que a expectativa é que ao final de um ano de operações da nova rota, os quatro voos semanais passem a ser diários. ‘Ofertamos hoje 1.450 assentos semanais e certamente com o crescimento no volume de passageiros vamos aumentar o número de voos passando a diário se tudo der certo”, adiantou ele.

No roteiro internacional, a Turkish deve continuar ampliando o leque de novos destinos. “Em abril do próximo ano estaremos inaugurando a rota entre Houston e Istambul”, adiantou. Atualmente a Turkish voa para 190 destinos em todo o mundo a deve inaugurar entre 15 a 20 novas rotas nos próximos dois anos. O dirigente veio ao Rio com uma delegação de 90 participantes turcos que estarão participando da Rio + 20, incluindo quatro ministros de estado. Atagun confirmou também que estão em andamento negociações com a Embraer para compra de aparelhos. “Ainda estamos na fase de contatos mas a ideia se for concretizada é usar aviões da Embraer em trechos domésticos na Turquia”.

Sobre a decisão da Turkish de se tornar Membro Associação da Associação Latino Americana e dos Caribe de Transporte Aéreo lembrou que esta é uma medida que visa estreitar as relações com este mercado. “Estamos vendo oportunidades de novos destinos como Colombia e Venezuela, que são mercados interessantes. Quanto ao Brasil não resta a menor dúvida da importância deste mercado que desperta um grande interesse mundial. Ele destacou também o crescimento da companhia que está entre as Top Tem no mercado mundial. “Atualmente ocupamos a oitava colocação, mas a ideia é chegar a disputar a liderança até 2023, ou seja dar um grande salto nestes próximos 10 anos”, adiantou.

Atuando no mercado brasileiro há três anos, a Turkish tem contribuído também para elevar o volume de turistas estrangeiros. “Hoje pelo menos 15% do volume de passageiros transportados são procedentes da Turquia, um mercado emissor que chega a enviar para o Brasil anualmente 8 mil turistas, seja a negócios ou a lazer”, adiantou. Atagun destacou também as facilidades que a Turkish oferece para deslocamentos a partir de Istambul. “O voo entre São Paulo e Istambul leva 12 horas e a partir de lá você pode voar para um país da Asia ou do Oriente Médio com voos que têm duração média de 1h30, não mais do que isso. Para a Capadocia não se leva mais do que 1h. E você tem oportunidade de conhecer de perto um rico destino com uma história de uma cultura com três mil anos riquíssima e com construções milenares”, destacou ele.

Já em relação ao Brasil destaca que o país tem uma diversidade enorme além de ser conhecido como o país do Carnaval, do futebol e do clima tropical, sem esquecer as novelas. “Muitas das novelas brasileiras fizeram fama na Turquia e agora com a Salve Jorge é a vez dos brasileiros nos conhecerem melhor”. A Turkish tem realizado também constantes seminários e participações em feiras e workshops para maior capacitação dos agentes de viagens. “Para a próxima feira das Américas devemos vir com uma delegação entre 35 a 40 pessoas e vamos estar presentes também no Festival de Gramado e outros eventos”, destacou.

http://www.mercadoeeventos.com.br/site/noticias/view/85496

por: Luis Marcos Fernandes
Foto: Mercadoeeventos.com.br

Sem comentários:

Enviar um comentário

Arquivo do blogue